quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Resenha: O peso do Pássaro Morto


RESENHA
O peso do Pássaro Morto é uma biografia escrita pela autora Aline Bei, que conta a história de uma mulher que foi abusada sexualmente na adolescência e isso mudou toda a vida. A história está dividida em etapas de acordo com a idade da personagem dos 8 aos 52 anos e é narrada de uma forma leve e muito consistente, que comove o leitor e torna cada fato próximo a realidade.
O livro inicia com a infância da personagem principal, aos 8 anos ela é alegre, curiosa e tem uma melhor amiga chamada Carla. Elas faziam muitas travessuras e se divertiam no colégio. Mas infelizmente em virtude da curiosidade de criança, acontece uma tragédia com Carla. A partir disso, a amiga não se conforma e fica muito triste e sem entender várias coisas. Em seguida seu vizinho que tanto gosta de ir a casa visitar falece e esses traumas foram pesados demais na vida dela.

Ao mudar de escola a personagem principal sofre bullying e não consegue fazer amizades. Já na adolescência cheia de sonhos ao final do ensino médio e pensando em seguir a carreira de aeromoça estava feliz e vivendo a vida de forma descontraída como qualquer adolescente, mas não imaginava que sua vida estava prestes a mudar para sempre, ao ser violentada sexualmente pelo ex namorado.
Ela simplesmente calou-se diante de tudo que passou e se reprimiu por medo de falar sobre o assunto, por medo da reação das pessoas, por medo de não ter apoio e sua vida acabou naquele momento que decidiu calar para sempre. Não houve mais planos, nem sonhos e ainda precisou aturar uma gestação fruto de abuso, por não ter conseguido falar sobre tudo que aconteceu. Teve que se submeter a abdicar da vida em prol de uma criança na qual não sentia nenhum afeto e assim sua vida se tornou um pesadelo, era vivendo como se já estivesse morta.
Ela não conseguiu mais sorrir, não sabia como educar uma criança que ao visualizar lembrava de tudo que passou. A vida era sobreviver um dia após o outro. Mas e o filho que não entendia nada do que vivia?
Não compreendia a distância, da mesma forma que ela não sabia dialogar sobre nenhum assunto.

A autora consegue transmitir a história escrita com muita riqueza de detalhes e divisão dos fatos que acontece A história é escrita com muita riqueza de detalhes e divisão dos fatos que acontece na vida dos personagens. É uma biografia bastante comovente e reflexiva que vale muito a pena ler e entender toda uma vida transformada pela maldade e audácia de um homem falso e sem escrúpulos, além de entender o que o bullying pode ocasionar na vida de alguém. 
Leia esse livro e se emocione com toda história dos personagens envolvidos e saiba o quanto uma vítima de abuso sexual pode sofrer e transformar tudo a sua volta para sempre. 

2 comentários:

  1. Eu amei fazer a leitura desse livro!

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, tenho certeza que vou amar esse livro, e creio que vou chorar um montão também, do jeito que sou mole haha Estou chocada com a resenha. Com certeza vou tentar ler, ele vale ser livro por todos ❤

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir